Dicas geniais: 5 utilidades para as pilhas.

 
A pilha que conhecemos hoje tem uma história muito longa: a primeira pilha eletroquímica, conhecida como pilha voltaica, foi construída pelo físico italiano Alessandro Volta em 1800. Infelizmente, as voltagens dessas primeiras criações da pilha moderna eram extremamente instáveis e não conseguiam fornecer uma corrente abundante por um longo período. Então, a célula de Daniell, inventada em 1836 pelo químico britânico John Frederic Daniell, se tornou a primeira fonte prática de energia. Mas as pilhas são capazes de muito mais! Na verdade, as 5 dicas a seguir mostram o que elas podem fazer além de ligar eletrônicos.

1. Coração acelerado

Esta pequena invenção é perfeita para surpreender o seu amor no Dia dos Namorados.

Materiais:

  • fio de cobre
  • pilha AA
  • ímãs de neodímio

Como fazer:

1. Dobre o fio e faça com ele um formato de coração. Faça uma espiral nas extremidades.

2. Encoste o lado negativo ( - ) da pilha no topo de alguns ímãs empilhados.

3. Encoste o fio no lado positivo ( + ) da pilha e veja o coração girar sozinho.

2. Carga alternativa

Está dirigindo e lembrou que esqueceu o seu carregador de celular em casa ou está em algum lugar sem entrada USB? Sem problema! Tudo o que você precisa para carregar o seu telefone é um carregador de carro e pilha.

Materiais:

  • carregador de carro com entrada USB
  • pilha 9-volts
  • chave
  • fita adesiva

Como fazer:

1. Espete o bico do carregador de carro no terminal positivo e a chave no terminal negativo da pilha. Prenda a chave e o carregador com a fita, os unindo. A chave deve ficar em contato com o elemento de metal da lateral do carregador de carro.

2. Use a fita para prender a chave e o carregador à pilha. Agora plugue o cabo USB na entrada do celular e respire aliviado por ver a porcentagem de bateria subir.

3. Isqueiro

Nunca mais passe perrengue no acampamento por ter esquecido o isqueiro ou ter acabado com os fósforos. Se você tiver levado pelo menos uma pilha e papel alumínio, estará a salvo.

Materiais:

  • pilha AA
  • papel alumínio (papel alumínio de chiclete)

Como fazer:

1. Corte o papel alumínio de maneira que ele fique mais estreito no meio, com não mais do que 2 mm de espessura.

2. Pressione as extremidades do papel nos terminais da pilha e espere o alumínio queimar no meio. Solte o papel alumínio na fogueira imediatamente após ele pegar fogo.

4. Teste de bateria

Se estiver em dúvida se uma pilha está funcionando ou não, solte-a sobre uma mesa a uma pequena altura, de preferência com uma pilha que você sabe que ainda não foi usada. Quanto mais a pilha em questão quicar depois de sofrer impacto, mais descarregada está. Uma pilha carregada não quica. Este teste é particularmente útil se você estiver trocando a mesma marca de pilhas e confundir qual delas é a nova.

5. AAA em vez de AA

Se você não tem pilha AA em casa mas tem as AAA, pode preencher os espaços entre os terminais positivos e negativos com papel alumínio. Uma mão na roda.

Você não sabe o quanto precisa de uma coisa até se dar conta de que não a tem. Graças a estes truques pelo menos alguns problemas do cotidiano podem ser resolvidos.

Comentários

Também incrível