10 lugares sujos na casa que passam despercebidos.

As vendas na indústria de produtos de limpeza estão sempre aumentando. As famílias gastam milhões de reais por ano em detergentes, desengordurantes e produtos multiuso. Mas ainda tem lugares que ficam com resquícios de sujeira. Apesar de todos os esforços para manter a casa limpa e arrumada, muitos cantos passam despercebidos. E a pior parte é que os germes se sentem particularmente confortáveis ​​na cozinha.

Em seguida, você verá 10 lugares onde a sujeira geralmente se acumula:

pint1

1. Cafeteira

"Antes de tudo, um café!" Esta é, provavelmente, a frase mais dita em todos os lugares, todas as manhãs. Fresquinho, o cheirinho do café desperta até os espíritos. Por outro lado, é assustador quando olhamos as cafeteiras. Especialmente em modelos que funcionam com cápsulas e em máquinas totalmente automáticas, os pesquisadores encontraram grandes quantidades de bactérias e mofo nos recipientes das cápsulas e nas bandejas de gotejamento. Muitas vezes, as paredes internas dos reservatórios de água estão cobertas com uma camada bacteriana. O problema é que nem sempre a água é totalmente trocada e os recipientes são limpos superficialmente.

Espresso anyone_0443b

2. Objetos dos animais de estimação

Quem tem cães ou gatos deve prestar especial atenção à higiene, uma vez que os bichinhos geralmente ficam em cantos sujos e levam as coisas à boca e acabamos tendo que entrar em contato com elas. Por esta razão, as vasilhas de ração e água ficam especialmente contaminadas. Os brinquedos dos animais também são um refúgio clássico para bactérias. Por isso, você deve lavar as vasilhas uma vez por dia com água quente; os brinquedos podem ser colocados na máquina de lavar roupas (coloque dentro de um saquinho de tela especial para lavagem).

Upsidedown Ally Sideways - Oct 2014

3. Pias

Muitas coisas terminam na pia: os restos da frigideira, os restos do ensopado, migalhas de pão e sementes de tomate. Não é surpreendente que as análises realizadas mesmo em superfícies aparentemente limpas tenham sido capazes de detectar muitas coisas, todas elas nada agradáveis. Nos ralos, os restos de alimentos ficam presos com muita facilidade.

New Counter Tops

4. Bancada da cozinha

Nós nem pensamos duas vezes: sempre colocamos as bolsas de compras na bancada da cozinha, ou as cascas de ovos enquanto assamos algo e apoiamos a mão após cortarmos a carne. As bancadas ficam expostas diariamente a cargas pesadas, também em termos de contaminação. O ideal é limpá-las com um pano úmido com desinfetante depois de usá-las, para manter as bactérias sob controle. As bancadas de madeira também devem ser limpos com freqüência com um produto adequado.

worktop damage

5. Botões do fogão

Não é de se admirar que os botões do fogão sejam um dos locais favoritos para os germes. No entanto, estudos de higiene revelam que a maioria deles não é devidamente limpa. Isto é devido, sobretudo, ao fato de que muitas pessoas temem deixá-los ligados sem querer e acabarem não percebendo. 

Stove controls

6. Tábuas de cortar

Quais são as melhores: as de madeira ou de plástico? As opiniões diferem. Tábuas de plástico têm a vantagem de poderem ser colocadas na máquina de lavar louça; Os adeptos da versão de madeira defendem a agradável sensação de corte, bem como a prevenção de pedaços de plástico nos alimentos. Quando se trata de higiene, ambos são igualmente ruins. Os especialistas recomendam lavá-las pelo menos a 60 ° C para eliminar germes perigosos, especialmente quando se corta a carne. Depois, as tábuas devem ser secas ao ar livre imediatamente.

Chopped Garlic

7. Geladeira

Pesquisadores dos EUA encontraram até 11,4 milhões de germes por centímetro quadrado em geladeiras. Embora nem todos os germes sejam igualmente nocivos para a saúde, tamanha sujeira é perigosa. A parede traseira interna, onde a água da condensação se acumula, é um verdadeiro paraíso para o mofo, bactérias e outros germes. Pense nas conseqüências que isso traz para os alimentos! No entanto, 40% das geladeiras tem populações de bactérias, e uma em cada cinco pessoas limpa a geladeira apenas uma vez a cada três meses.

Fridge

8. Torneira

Existem invenções que nos dão uma sensação de segurança, mas não evitam o problema que pretendiam resolver. Vários fabricantes vendem dispensadores de sabão elétrico para uso doméstico, que funcionam graças a um sensor. No entanto, enquanto a torneira de água não for operada por um sensor, o dispensador de sabão elétrico não nos protege contra bactérias, uma vez que uma em duas torneiras tem uma concentração bacteriana considerável de bacilos e bactérias intestinais.

even the soap needs charging now

9. Pano de prato

A vida na cozinha às vezes é muito agitada. Enquanto você ainda está ocupado fazendo as almôndegas, o espinafre ameaça queimar no fogão. Nesses casos, lavamos as mãos superficialmente e as enxugamos com o que temos à mão: normalmente, o pano de prato. E com o mesmo pano secamos os copos. De acordo com um estudo, um a cada três panos de prato é excessivamente contaminado. Somente em algumas casas esses panos são trocados todos os dias, que, inclusive, devem ser lavados a uma temperatura mínima de 60 ° C com detergente ou sabão.

dish towel

10. Esponja de louça

Infelizmente, a esponja ocupa o primeiro lugar em quantidade de germes. Elas contêm até 200.000 vezes mais sujeira do que o assento do vaso sanitário! E como se isso não bastasse, nenhum truque caseiro elimina o acúmulo de bactérias. As pesquisas mostraram que lavar a esponja com água quente só reduz o número de germes não perigosos, de modo que os agentes patogênicos podem se espalhar ainda mais facilmente. Portanto, mesmo que a esponja pareça em bom estado por fora, você deve jogá-la no lixo ou colocá-la na máquina de lavar depois de alguns dias.

Sponge

As pessoas também podem exagerar com a limpeza. Os seres humanos são imunes a 99% dos germes. Por outro lado, suspeita-se que o uso excessivo de produtos de limpeza cause alergias. No entanto, o risco de doenças contagiosas pode ser reduzido ao máximo se certas medidas de higiene forem tomadas. Além da esponja, torneiras, etc., lavar as mãos é importante. Inclusive, estima-se que nem mesmo um a cada três homens lave as mãos com sabão depois de ir ao banheiro. Fala sério, minha gente!

Comentários

Também incrível